Meu email é SPAM?


Por Celso Yoshioka

Em tempos de blacklists cada vez mais seletivas e restritas protegendo as caixas de e-mail, como fazer para que sua campanha seja entregue corretamente? Primeiramente vamos entender os motivos que o e-mail pode ser considerado SPAM:
 
1. Bloqueio do IP do remetente
O mais comum é o ip do remetente estar bloqueado por envio de spam ou mensagens em massa. Para evitar esta ocorrência, a KingHost possui em seu setor de Abuse e diversos sistemas e procedimentos de monitoria para garantir que os e-mails sejam entregues corretamente. As políticas de SPAM e SMTP também são utilizadas como forma de corroborar a qualidade de entrega.
 
2. Má reputação
Outra possibilidade é quando o domínio já está com má reputação por ter seus e-mails indicados como SPAM em diversos servidores.
 
3. Formato do e-mail
Geralmente mensagens que são SPAM possuem o mesmo layout com, um título, uma imagem e um rodapé, ou no header, o título possui alguma palavra chave como: aproveite, promoção, entre outras.
 
E como faço para que meus e-mails sejam entregues corretamente?
 
1. Opt-out
É importante fazer uso de um opt-out (aqueles links para remoção da lista de envio), que funcione de verdade e com boa visibilidade para o usuário.
 
2. Envio para cadastrados
Os envios devem ser realizados somente para pessoas que se cadastraram em seu site. Uma boa opção para efetuar esses cadastros é solicitando a confirmação do usuário para o envio de e-mails para sua caixa.
 
3. Recadastro
Sempre que possível efetue um recadastro dos usuários que forem recebendo os e-mails do site, publicando periodicamente links de recadastro (Exemplo: “para continuar recebendo nossos e-mails clique aqui”).
 
Seguindo essas indicações simples, seus e-mails terão maior credibilidade para a entrega correta a todos os servidores.

Comentários

comentário(s)