Noto: projeto do Google que contempla mais de 800 línguas


Conhece o projeto Noto? Ele foi desenvolvido pelo Google e levou mais de 5 anos para ser concluído. Trata-se de uma biblioteca open source que contempla mais de 800 línguas e 110mil carateres. O objetivo foi tornar mais fácil para as pessoas ao redor do mundo criarem e compartilharem informações nas mais diversas línguas. O projeto abrange todos os símbolos no padrão Unicode e, para viabilizar sua realização, contou com o envolvimento de especialistas em design de fontes e tipografia da Monotype e Adobe.

via developers.googleblog.com

O nome do projeto veio do chamado “tofu”, nome dado aos espaços em branco que aparecem na web quando um site não consegue mostrar um texto, como esse: ⯐. O tofu gera um problema na comunicação com o usuário, entregando uma experiência pobre aos usuários que navegam no ambiente. Sendo assim, o nome do projeto Noto é na verdade um acrônimo para “não mais tofu” (do inglês “no more tofu”).

No blog developers do Google eles explicam que o projeto nasceu de necessidades específicas notadas a partir dos sistemas operacionais como o Android e o Chrome. Também no blog o time falou dos desafios que encontraram:”Quando começamos, não percebemos a enormidade do desafio. Ele exigiu design específico e testes técnicos em centenas de idiomas, sendo necessário especialistas em scripts específicos para cada língua. Em árabe, por exemplo, cada caractere tem quatro glifos (ou seja, formas que um caractere pode aparecer) que mudam dependendo do texto que vem depois dele.” (traduzido livremente)

Para baixar as fontes você pode visitar o site do projeto, o pacote completo tem 472MB. É possível baixar também línguas específicas através dos links individuais na página. Também é possível baixar via GitHub, os arquivos fonte e o pipeline de criação das fontes.

Outro produto, o Google Fonts, ganhou uma reforma há alguns meses, no layout atual ele exibe as fontes em uma grade dinâmica que redimensiona conforme você ajusta suas preferências. Você pode verificar cada estilo para cada fonte, alterar o texto de visualização e comparar as opções lado a lado. Uma barra lateral acessível permite que você filtre a biblioteca de mais de 800 fontes por categoria, idioma e parâmetros como espessura, inclinação e largura.

Fonte: Google.

Leonéia Evangelista

Leonéia Evangelista

Analista de Conteúdo em Kinghost
é bacharel em Comunicação Digital pela Unisinos e mestre em Bibliotecas Digitais pelo programa Digital Library Learning (Erasmus Mundus). Trabalha com web há mais de 8 anos e atualmente cursa MBA em Marketing Estratégico.
Leonéia Evangelista

Comentários

comentário(s)