As maiores tendências de Marketing de Conteúdo para 2017


Já faz algum tempo que estamos vivendo o momento do Conteúdo e acredito que 2016 tenha sido um ano mais que especial. Praticamente não há mais quem não saiba do que se trata e a sua importância indiscutível para o sucesso da presença online. Mas, como tudo, ele ainda precisa ser aperfeiçoado e 2017 poderá ser o ano ideal para isso. Acredito que essa é, na realidade, a verdadeira tendência de Marketing de Conteúdo para 2017: o aperfeiçoamento.

Separei três tendências que confio serem as principais e que poderão ajudar muito no que diz respeito a otimização, evolução do conceito e aperfeiçoamento constante. Quando levamos estes pontos em consideração, as chances de sucesso crescem consideravelmente.

1.Qualidade

Produzir conteúdo de baixa qualidade é fácil. Está aí o Facebook para provar isso. Quantas publicações completamente descartáveis não vemos todos os dias em nossa timeline? Infinitas, eu presumo. Se formos filtrar as realmente relevantes, não sobra quase nada. Quase nada mesmo. E aí que precisamos nos destacar. Seja qual for o formato do conteúdo, seja para um blog, para redes sociais e por aí vai, ter qualidade será um diferencial. Trazer algo concreto, bem embasado, útil e informativo é sempre essencial para o sucesso do mesmo.

Tenha um foco, defina onde o conteúdo será divulgado e com qual frequência. Trace um plano factível, desenvolva um calendário preciso e siga-o. Não se preocupe em ter três posts diários se nenhum for relevante. É preferível publicar um texto de alta qualidade por semana. Claro que se você puder publicar três textos relevantes por dia, excelente! Mas não faça por fazer. Lembre-se que, as vezes, menos é mais! Confie na Lei de Pareto. Provavelmente 80% do seu tráfego hoje, vem de apenas 20% do conteúdo gerado. Então pra que gastar tempo com o restante se ele não é efetivo?

Organização

Pensar em organizar o conteúdo é algo que ajudará muito no alcance dos resultados. Se for difícil se organizar, existem diversas ferramentas que podem ser úteis nesse processo. Nós sabemos que produzir conteúdo exige aquela organização básica e também uma dedicação extra para garantir que a criatividade vai acontecer. É preciso ler, se informar, estudar e conhecer muitos temas em profundidade. Eu gosto muito de utilizar o Trello para tudo, inclusive para organizar geração de conteúdo. Ele é uma ferramenta para gerenciar projetos, de qualquer tipo. Você cria cards, com tarefas e determina a data de entrega, o fluxo pelo qual ela passa, as categorias nas quais se aplica e muito mais. Vale o teste! Outra ferramenta legal é o Buzzsumo. Ele ajuda a identificar conteúdos relevantes no momento e quais os artigos que se destacam mais em cada um. Ela não ajuda propriamente na organização e tarefas, mas de ideias e prioridades. Neste material você encontra outras dicas incríveis de ferramentas gratuitas.

2.Vídeo

O melhor argumento para comprovar o sucesso do conteúdo em vídeo é o Youtube. Quem nunca passou horas consumindo um vídeo após o outro? E pior, sabendo que precisava parar para fazer outra coisa. Nem sempre os vídeos mais relevantes são os que prendem a atenção e recebem milhões de visualizações, mas eles possuem alguma coisa que chama atenção. Pense em como o seu negócio pode estar presente nesse formato e desenvolva o conteúdo pensando no seu público-alvo. Eles prefeririam consumir material educativo em vídeo? Ou algo mais emocional? Não importa. O importante é identificar a necessidade, definir os catchs e fazer uma edição diferenciada, do seu jeito.

Uma boa edição pode ajudar o usuário a identificar a marca no primeiro frame e isso pode ser de grande valia. Pode ainda parecer uma novidade, mas não é de hoje que esse assunto vem tomando força. Há algum tempo atrás, postamos no blog da KingHost, o KingLab, um artigo tratando exatamente sobre o uso do vídeo no Marketing. O vídeo não precisa ser  somente um conteúdo rico, mas pode ir além como um elemento a mais no momento da conversão em si, no processo de tomada de decisão do consumidor. Quer se inspirar? O Youtube, em seu próprio blog, listou os Anúncios Top 10 do Youtube em 2016. É sempre bom entender o que está sendo feito e o que ainda é destaque no momento. Esse tipo de mídia anda muito rápido, então é importante se atualizar e aproveitar o momento certo.

3. CRO

Nem todas as mídias focam diretamente em conversão, mas o seu cliente poderá converter através de qualquer uma delas. Por isso, desenvolva seu conteúdo levando isso em conta. O CRO nada mais é do que a otimização da taxa de conversão. Ao criar um site, por exemplo, pense num conteúdo relevante para cada página, desenvolva uma boa descrição de cada produto, forneça as informações que o consumidor precisa. Cuidados assim podem elevar significativamente sua taxa de conversão, independentemente do canal e do objetivo que ele possui.

Além desse benefício, seu site também ficará melhor posicionado nos resultados de busca e, se for ecommerce, poderá inclusive ajudar em campanhas do Google Shopping, no Adwords. Então pense a respeito. Faça testes, descubra o que performa melhor, mas tenha sempre em mente que isso é sim importante. Nesse post falamos em teste A/B nos títulos do WordPress, por exemplo. Parece simples, mas já é um começo para entender o comportamento do usuário e as suas preferências.

 

Concluindo

Nesse mesmo texto falamos da importância dos vídeos, que podem ser excelentes aliados na busca pela otimização da conversão. Um vídeo demonstrando o uso de um produto ou até mesmo de um serviço é um elemento a mais no processo de confiança. O consumidor pode estar na dúvida se o produto realmente entrega o que ele precisa e um vídeo demonstrativo pode ajudar nisso também. São infinitas possibilidades e alternativas para fazer da experiência de compra algo mais completo e passível de conversão.

Agora que você já sabe quais são as tendências de conteúdo para este ano que está recém começando, aproveite que ainda tem muito tempo pela frente e mãos à obra. Inclua esses itens ao seu planejamento e trabalhe neles para ter mais sucesso em 2017. Boa sorte!

Patricia Sperk

Patricia Sperk

Analista de SEM em KingHost
Administradora de Empresas por formação e estudante do MBA em Marketing da FGV. Apaixonada por Marketing Digital e em constante desenvolvimento.
Patricia Sperk

Últimos posts por Patricia Sperk (exibir todos)

Comentários

comentário(s)