5 dicas de como criar um negócio home office


Quer saber como criar um negócio home office? 5 ideias prontas!

Precisando de ideias para negócios home office? A verdade é que o chamado teletrabalho é uma tendência que tem atraído cada vez mais profissionais. E os motivos são os mais diversos.

Além de poder controlar seus próprios horários, economizar combustível e não ter mais que enfrentar o trânsito, a qualidade de vida de quem trabalha em casa é muito maior, sem falar na proximidade com a família, no caso daqueles que têm filhos ou mesmo os que ainda moram com os pais.

Quer saber como criar um negócio home office? Confira nossas 4 dicas e ponha este sonho em prática rapidamente.

Como criar um negócio home office

1- Sites de crowdsourcing e concorrência criativa

Vamos começar entendendo os conceitos:

  • O que é crowdsourcing: crowd é multidão, em inglês, sourcing poderia ser traduzido como abastecimento, ou procura de recursos. Assim, crowdsourcing é a palavra usada para designar sites específicos onde uma “multidão” de profissionais de diversas áreas se cadastram para que empresas e pessoas interessadas em seus serviços pesquisem os melhores, façam cotações e os contratem.
  • Concorrência criativa é um conceito parecido, só que em vez das empresas contratarem um profissional específico é já definirem um orçamento pelo serviço, elas fazem um concurso – geralmente envolvendo materiais criativos de design e comunicação empresarial – e só recebe o valor estipulado o vencedor da “concorrência criativa”.

Estas duas formas de integrar profissionais e empresas foram consideradas inovações disruptivas quando surgiram e, hoje, são algumas das maneiras mais simples de como criar um negócio home office.

Portanto, se você é redator, designer, desenvolvedor de programas ou de sites, tradutor, profissional de marketing e vendas, administrador, especialista em finanças, fotógrafo, ilustrador, criador de animações, contador ou exerce diversas outras atividades semelhantes, estes sites são uma excelente maneira de como começar um negócio home office.

Veja alguns dos sites mais conhecidos para isso:

Crowdsourcing:

  • Workana: o primeiro site deste tipo da América Latina, oferece oportunidades para diversas áreas, como programação, tradução, suporte administrativo e muitas outras, tendo sido o berço de diversas PMEs.
  • GetNinjas: no mesmo estilo do anterior, só que com uma gama mais variada de serviços, inclusive alguns que não são home office, como eletricistas e diaristas, por exemplo.

Concorrência Criativa:

  • We Do Logos: um dos pioneiros no Brasil e o maior da América Latina, o We Do Logos é uma excelente pedida para designers gráficos e até redatores. Criação de logos, slogans, nomes de empresas, folders, sites e diversos outros materiais de comunicação são o forte deste site.
  • eYeka: um site internacional, de grande abrangência, usado por grandes marcas. Chega a ter solicitações até de roteiros de filmes e criação de animações em vídeo, entre outros materiais de comunicação.

Outros sites específicos para certas profissões também são uma alternativa de como criar um negócio home office, é o caso de portfólios para arquitetos ou comunidades de consultores de processos, por exemplo.

2- Fazer seu próprio site para divulgar sua atividade

Como dissemos, algumas empresas hoje já constituídas no mercado começaram em sites de crowdsourcing. Portanto, por que não criar seu próprio site ou blog? Afinal, não tem como criar um negócio home office sem divulgação…

Para isso, você pode usar um criador de sites e blogs, como o Criador de Site Kinghost ou o WordPress e tomar algumas providências para que ele seja notado:

  • Disponibilizar um conteúdo relevante para seu público em seu blog
  • Usar nesses textos as palavras-chave mais procuradas no Google por seu público (o chamado SEO)
  • Empregar técnicas de copywriting em seu site, isto é: uma linguagem informativa e comercial que atrai e mantém os usuários em seu site
  • Caprichar na identidade visual do seu site e do seu blog (use sites de concorrência criativa para achar os profissionais certos para isso!)

3- Professor particular

Se você já teve experiência como professor no ensino fundamental e médio, é só começar a trabalhar em casa, dando aulas da matéria que domina. Mas mesmo quem não era professor, desde que tenha vocação para ensinar, pode se especializar nesse tipo de atividade.

Existem diversos cursos de didática oferecidos até gratuitamente pela internet. E, se você é engenheiro, pode muito bem se preparar para dar aulas de matemática. O mesmo vale para diversas outras áreas, como médicos se preparando para dar aula particular de biologia, químicos dando aulas de química (claro) e muitas outras possibilidades.

E, na verdade, da mesma forma que os demais profissionais citados, um professor particular também pode criar seu site, incluir dicas sobre sua matéria, indicar livros, sites e até alertar sobre datas de vestibular ou eventos do tipo, se tornando uma referência para seus alunos.

4- Pede para sair (do escritório)!

E se em vez de pensar em como começar um negócio em casa, você pedisse em seu emprego atual para trabalhar home office? Parece loucura? Na verdade, uma pesquisa divulgada pela universidade de Harvard mostrou que trabalhar em casa pode aumentar a produtividade dos profissionais em mais de 10%.

Além disso, lembre o chefe das seguintes vantagens:

  • Economia de energia elétrica
  • Não precisará pagar o valor referente ao transporte do trabalhador
  • Você não vai usar os suprimentos da empresa
  • Você vai usar seu próprio computador, sem necessidade de manutenção
  • Se ele fizer o mesmo com mais funcionários, poderá economizar até com aluguel de salas, pois não precisará de tanto espaço na empresa para eles

Comece sugerindo passar 2 dias por semana em casa e, com o tempo, tente conquistar esta regalia integralmente. Fale do caso de empresas como o Trello, que tem enorme sucesso com esta prática e até ensinam como achar vagas de trabalho remoto em seu blog.

5- Programas de afiliados

Quando você faz parte de um programa de afiliados, você faz vendas em nome de uma determinada empresa, algo semelhante a uma franquia, e ganha dinheiro por isso.

Um exemplo é o Magazine Você, do Magazine Luiza, em que você usa a ferramenta online deles para criar um e-commerce e vender os produtos do Magazine ganhando uma comissão.

Outro, ainda mais ágil, é o Programa de Afiliados KingHost, em que você usa um link personalizado em seu site para divulgar, com ajuda de diversos materiais fornecidos por eles, os produtos e serviços da KingHost, sendo remunerado por isso.

O que você achou dessas sugestões de como montar um negócio home office? Não perca mais tempo e comece agora mesmo a tomar as providências necessárias para passar a ganhar uma renda sem sair de casa.

Este texto foi escrito pela equipe do HEFLO, um software de modelagem BPMN intuitivo e hospedado na nuvem.

Comentários

comentário(s)