WordPress lento? Veja 7 motivos e saiba como evitá-los


Entre os sistemas de gerenciamento de conteúdo para web, o WordPress se destaca por ser fácil de operar, amigável aos mecanismos de busca, adaptável a praticamente qualquer cenário e pode ser exportado ou migrado com facilidade. No entanto, por vezes, pode apresentar uma performance abaixo do esperado devido a diversos fatores que comprometem a velocidade de carregamento das páginas.

Listamos aqui alguns motivos que podem ocasionar eventual lentidão e prejudicar a experiência de navegação dos usuários nas páginas.

1 – O servidor de hospedagem é ruim

Quando percebemos uma diminuição de velocidade em nosso site WP, um dos primeiros pontos a checar é o nosso servidor de hospedagem e o quão rápido está nosso tempo de resposta.

Em outras palavras: se o servidor que você contratou é lento, o seu site wordpress também será.

Atenção: caso seu site seja um projeto complexo, o mais aconselhável é que você utilize um ambiente dedicado de hospedagem, em vez de um compartilhado. Quando você utiliza o compartilhado, você divide os recursos de hospedagem com outros clientes, então esteja certo de que ele é o ambiente adequado para a demanda do seu site e evite comprometer a experiência do seu visitante..

Uma boa opção para evitar que isso aconteça é contratar ou realizar um upgrade para o plano de ambiente dedicado da KingHost.

2 – O servidor está do outro lado do planeta

Se você é brasileiro, como a gente, e mora no Brasil, porém seu servidor está alocado no Japão, as chances do tempo de resposta do seu site serem lentas são grandes. Prefira hospedagens nas quais os servidores estejam no Brasil – ou próximo aos locais onde os usuários estão localizados.

3 – Você não tem feito update do seu software ou plugins.

Tem uma razão pela qual o WP envia notificações. É para que os usuários possam constantemente corrigir pequenos erros e busque melhorar a performance da plataforma. Basta apenas clicar no botão “update” para tocar sua página a todo vapor – e de forma otimizada. Uma boa prática é utulizar poucos plugins por vez, e não todos ao mesmo tempo, para evitar gerar erros no site por ter exibido muito do php. Manter o CMS atualizado também traz muito mais segurança para o seu site e para os seus visitantes.

4 – Você escolheu um tema pesado que dificulta a performance.

Uma das características mais legais do WordPress é a facilidade de personalização e a quantidade infinita de temas podem ser aplicados ao seu projeto. No entanto, nem sempre a qualidade está alinhada ao design e beleza do tema. Alguns temas são recheados de códigos densos, o que pode fazer com que perca bastante em performance, deixando seu site WordPress mais lento. Encontramos uma lista com temas mais leves para ajudá-lo.

5 – Utilize plugins de cache

Usar o cache permite ao navegador armazenar as informações da página de forma que o usuário possa ter uma experiência mais rápida ao visitar seu site. Ou seja, ele “memoriza” as informações e não precisa recarregar do zero toda vez que a página for acessada. Exemplos de plugins de cache: W3 Cache, WP Super Cache, Hyper Cache e DB Cache Reload.

6 – Você está com muitos plugins rodando ao mesmo tempo

Cada vez que carregamos nosso site, todos os aspectos e características são carregadas também a partir do servidor. Isso inclui imagens, plugins e todo conteúdo. Os plugins são particularmente pesados, portanto, se o site estiver rodando vários ao mesmo tempo, o processo de carregamento se tornará potencialmente lento. Uma dica é fazer vistoria pelos plugins aplicados, sem ter piedade de remover aqueles que estão usando muito dos recursos do site.

7 – As imagens não estão otimizadas para uma boa performance

Assim como os plugins, as imagens do seu site também precisam de tempo para carregar. Quanto maior forem as imagens, mais tempo elas necessitarão.

Uma boa dica é escolher formatos mais leves como JPG no lugar de PNG. A diferença aqui é pq o JPG é comprimido, mas sem perder significativa qualidade. Outra dica legal é limitar a altura e largura das imagens.

Curtiram as dicas? Colocando elas em prática você pode melhorar, em muito, a experiência dos usuários no seu site. Com o plano de hospedagem WordPress, otimizamos cada detalhe para fazer o seu projeto voar! Isso inclui segurança e atualizações com recursos como antispam, proteções contra ataques e muito mais.

Quer mais conteúdos para você bombar seu WP? Leia “Como otimizar o seu site wordpress”. 

Ivan Guevara

Ivan Guevara

Analista de Conteúdo em KingHost
Jornalista por formação, estudante do MBA em Marketing da FGV. DJ nas horas vagas e apaixonado por baterias carregadas.
Ivan Guevara

Últimos posts por Ivan Guevara (exibir todos)

Comentários

comentário(s)